“A RENOVAÇÃO CARISMÁTICA É UMA CORRENTE DE GRAÇA NA IGREJA E PARA A IGREJA”

A RCC – Renovação Carismática Católica teve sua origem em um retiro espiritual, nos EUA, no ano de 1967 e, a partir de então, foi só crescendo por vários lugares no Brasil e no mundo. Como caracterizá-la ou defini-la? Penso que a melhor definição é aquela que foi dada pelo papa Francisco em um discurso proferido em junho/2014, em um Encontro na Itália, com uma multidão de fiéis carismáticos.

Na ocasião, ele disse: “A Renovação Carismática é uma corrente de graça na Igreja e para a Igreja”. E é bem verdade isso, é este o principal objetivo da RCC. Ser corrente de graça, amor, esperança e de proximidade com Deus. Uma corrente transbordada pela Água Viva que é o Espírito Santo, o qual deseja fluir em nossas vidas sem empecilhos.
Com o seu jeito carismático e animado de ser, a Renovação Carismática vem ao longo de seus 48 anos conquistando multidões pra Deus. Muitos, antes de a conhecerem direito, a consideram um pouco diferente do que estão acostumados ou até mesmo “estranha”. Mas esta estranheza logo dá lugar a um amor, à medida que vão se permitindo conhecer a maneira carismática de experimentar a Deus.

Ser carismático não significa ser melhor que ninguém nem pior, significa um jeito diferente de ser igreja. Por meio de Grupos de Oração carismáticos e encontros, Deus cuida de seu povo. É um ramo a mais nesta árvore tão frondosa que é a Igreja. Um ramo que entende que por si só não dá fruto algum, mas que precisa da árvore que é Deuspra ser instrumento de vida, amor e partilha.

Hoje, no Brasil, estima-se que existam cerca de 20 mil Grupos de Oração, levando amor e proclamando a vitória de Deus, por meio de louvores, pregações e orações fervorosas no Espírito de Deus e este número só tende a crescer, pois Jesus mesmo disse: “Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura” (Mc 16,15). Avancemos, pois!