Bento XVI incentiva reconstrução de cidade atingida por terremoto

O Papa Bento XVI enviou nesta terça-feira, 6, uma mensagem à cidade italiana de L’Aquila, que há um ano foi atingida por um terremoto de 5,8 graus na escala Richter, o qual deixou cerca de 300 mortos, 1.600 feridos e 50 mil pessoas desabrigados.
“Bento XVI deseja exprimir à Igreja local e à comunidade civil os sentimentos da sua proximidade espiritual, além de renovar um encorajamento para a reconstrução humana e social fundada sobre a sólida rocha da fé em Cristo”, diz o texto, lido pelo Bispo auxiliar de L’Aquila, Giovanni D’Ercole.

No mesmo documento, apresentado ao término de uma missa solene em memória das vítimas do tremor, o Pontífice pediu ainda a “proteção do patrimônio religioso e moral” dos moradores das zonas afetadas.

O terremo foi registrado na madrugada do dia 6 de abril de 2009 na zona central da Itália, com epicentro em L’Aquila, capital da região de Abruzzo.

Desde segunda-feira, 5, autoridades italianas estão relembrando o acontecimento, enquanto a população faz homenagens aos mortos. Nessa noite, cerca de 25 mil pessoas se reuniram na praça Duomo, em L’Aquila, e caminharam pela cidade carregando tochas.

Durante todo o dia, estão programados outros eventos, como uma missa na igreja de Santa Maria, às 17h30 locais (12h30 em Brasília), que contará com a presença do chefe da Defesa Civil italiana, Guido Bertolaso.

Também haverá uma convenção sobre a reconstrução do país, organizada em colaboração com a Embaixada alemã na Itália, e uma apresentação sobre o projeto para erguer a “Igreja da Ressurreição”, dedicada às vítimas.

Fonte: www.cancaonova.com