Nos tempos de adversidade não devemos fugir amedrontados, mas sim buscar outros caminhos!

Crescia a multidão que seguia aos Apóstolos, e estes, sabendo que deviam priorizar a pregação da palavra, mas, cientes da importância de servir a comunidade, apresentam ao povo a necessidade de se escolherem sete homens para servirem na administração. Os homens escolhidos não só eram de boa reputação, mas eram cheios do ESPÍRITO SANTO. Chama-nos a atenção aqui a organização da comunidade, embora os apóstolos tivessem uma função mais elevada, eles não se impunham e envolviam a comunidade em todas as decisões. A comunidade por sua vez mantinha-se unida e procurava obedecer aos apóstolos (voz de Deus). Os apóstolos assumiam sua função integralmente, atendendo sem cessar à oração e ao ministério da palavra. Um bom pregador é aquele que ouve a palavra de Deus e a medita noite e dia sem cessar!

Estevão, um dos homens escolhidos, fazia grandes prodígios e milagres entre o povo e sua sabedoria despertou inveja nas sinagogas. Estevão foi acusado de blasfemar contra Deus e foi conduzido ao tribunal. Diante do conselho ele não procurou defender-se (Deus o defendia, pois seu rosto era semelhante ao de um anjo, e não se via nele erro algum), mas aproveitou aquela oportunidade para pregar a verdade, dizendo àqueles homens que eles tinham coração e ouvidos incircuncisos. Condenado a morte, não recuou, e rogou ao Pai que não levasse em conta a culpa daqueles que o apedrejavam. Tamanha foi sua entrega que Estevão podia contemplar a vida no céu. Diante desse testemunho e de tantos outros narrados em Atos dos Apóstolos podemos perceber um dos grandes sinais do Pentecostes: a CORAGEM!

A morte de Estevão suscitou uma grande perseguição contra toda a comunidade e estes se dispersaram. Entretanto, não abandonaram o ministério e anunciavam a palavra de Deus por onde passavam. (Fica para nós uma lição: nos tempos de adversidade não devemos fugir amedrontados, mas sim buscar outros caminhos!). Filipe pregava na Samaria curando e libertando muitas pessoas em nome de Jesus. Nesta cidade reinava a alegria, pois aqueles que antes eram excluídos conheceram a salvação. Até mesmo Simão, um mago respeitado, se impressionava com o testemunho de Filipe e também se converteu. Entretanto, julgando poder comprar os dons do Espírito Santo foi duramente exortado por Pedro (aquele que Jesus havia exortado antes de Sua morte, e que agora compreendia sua missão).

O anjo do Senhor enviou Filipe ao encontro do ministro da rainha de Etiópia. Era um homem sedento que procurava conhecer a palavra de Deus, mas não havia achado quem a explicasse. Ao ouvir sobre Jesus acreditou e foi batizado pelo Espírito Santo. E você, deseja viver uma nova efusão do Espírito Santo? Creia e viverá!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>