O Espírito Santo é PARA TODOS

Aconteceu no dia 8 de junho de 2019, na Igreja de Lourdes, Viçosa – MG, o 3º dia do Tríduo em preparação para Pentecostes da RCC Viçosa.

Ansiosos e extasiados pela grande expectativa para o grande dia de Pentecostes, as emoções eram visíveis e apresentavam-se a flor da pele de todos aqueles que trabalharam arduamente para que o evento acontecesse.
Com grande alegria e carinho, na medida em que chegavam, os fiéis eram acolhidos pelos coordenadores do Tríduo de Petencostes e com um belo sorriso e caloroso abraço eram convidados a adentrarem na Igreja.

Deu-se inicio, então, a uma formidável noite, na qual bênçãos e orações acalentavam os corações de todos ali presentes em adoração do Divino Espírito Santo, sempre embalados pelo Ministério da Música.

Após a condução inicial, Adriana, GO Aliança, deu início a uma maravilhosa pregação, reiterando a grande necessidade de se preparar o coração, abri-lo, para o derramamento do grande dia, alertando a todos que o Espírito Santo não é e nunca será um privilégio para alguns e, sim, PARA TODOS.

“O Divino Espírito Santo é nosso advogado, é nosso intercessor. Ele pede por todos e devemos estar preparados para receber as suas palavras. No entanto, temos de trocar o coração de pedra pelo de carne para que isso seja possível.”

Uma vez recebido o sopro do Espírito Santo em nossos corações, não podemos deixar que em nós as palavras de Deus fiquem guardadas. Assim como o vento, que sopra para todos os lados, também temos de passá-las à diante.
“Temos de ser canal das palavras de Deus. Temos de soprá-las. É o Espírito Santo falando as palavras de Deus através de nós!”, afirma Adriana. Neste instante, deixamos de “cinzas” e passamos a ser serventes. Serventes de Deus!

Podemos testemunhar esse fato no Evangelho de Jesus Cristo segundo João 21, 15-19 na qual Jesus Cristo pergunta a Pedro: Pedro, tu me amas? E em resposta Pedro diz: sim, Senhor. Tu sabes que eu o amo! Jesus Cristo diz: então, apascenta as minhas ovelhas!

Mas, afinal, o que significa essa passagem do Evangelho? “Significa que Jesus Cristo quer que sejamos pastores de suas ovelhas. Quer que nos coloquemos no lugar de serventes; quer que conduzamos suas palavras a todos”, finaliza Adriana.

O que aprendemos com isso? Aprendemos que não podemos deixar as palavras de Deus morrerem. Não podemos guarda-las apenas para nós. Temos de divulgá-la, fortalecê-la no Espírito Santo para assim, trazermos a paz e a harmonia a todas as pessoas.

Para finalizar, assim como no dia anterior, a comunidade da RCC Viçosa, presente naquele local, vivenciou um profundo derramamento do Espírito Santo, seja durante a animação, pregação e momentos de oração.

Por Silvania Aparecida Silva Teixeira